2015 Junho

Arquivos Mensais: Junho 2015

“NA NORUEGA NÃO HÁ CHOCOLATES NEM BATATAS FRITAS À VENDA NOS...

Vasco, neto do professor do coração, conta-nos como foi crescer com um avô que tanto fez pela saúde dos portugueses, de como soube evitar o tabagismo, e de como até ele passou da obesidade a um estilo de vida saudável.

“A TABAQUEIRA ESTÁ ENCANTADA QUE TODA A GENTE DIGA MAL DO...

Vasco, neto do professor do coração, conta-nos como foi crescer com um avô que tanto fez pela saúde dos portugueses, de como soube evitar o tabagismo, e de como até ele passou da obesidade a um estilo de vida saudável.

“CLARO QUE A CLASSE MÉDICA ME CAIU TODA EM CIMA”

Estar à frente do seu tempo tem o seu preço, e o Dr. Fernando Pádua pagou-o ao ter de atrasar 20 anos a entrada da medicina preventiva em Portugal por pressão da própria classe a que pertence...e agora já ninguém o contesta.

“O MEU PAI MANDAVA CARTAS ESCONDIDAS PARA A MINHA MÃE”

Na primeira parte desta conversa histórica, ficamos a conhecer a família que precedeu o pai da medicina preventiva em Portugal: viagens pelo mundo fora, parentes ilustres, dramas comoventes pessoais e familiares de uma realidade que já mal conhecemos, em que os pais tinham de escolher qual filho iria estudar para além da 4ª classe...

Os Retratos Contados foram ao Professor do Coração

Na semana em que o pai da medicina preventiva em Portugal faz 88 anos, quisemos ouvir as histórias de família do Professor Dr. Fernando Pádua e do seu neto Vasco. Uma família simpática e com muito para contar, com quem vamos estar nos próximos dias...ora vejam um pouquinho do seu relato.

“O MIGUEL APRENDEU A DORMIR NO MEIO DAS ALTERNADEIRAS!”

Os Retratos Contados pediram a Maria João Abreu e a José Raposo que nos falassem de como os respetivos pais desempenharam o seu papel de avós na educação dos filhos que tiveram enquanto casados. Pintaram-nos um quadro rico em pormenores de uma vida de atores que amam o palco mas nunca descuram a família. Venha ler a história!

«A MINHA AVÓ BEATRIZ ENSINOU-ME A SER MULHER!»

É a vez da atriz Maria João Abreu nos contar as suas memórias de infância – quem lhe deu as bases para ela ser a mulher, mãe e esposa que é hoje. Em breve será avó, e esta foi a ocasião perfeita para sabermos que valores bebeu no «leite» da sua mãe...

“SE NÃO FOSSEM OS MEUS AVÓS, SER RETORNADO TINHA SIDO MUITO...

José Raposo recebeu-nos no Teatro Politeama, onde esteve com a revista "Portugal À Gargalhada", de Filipe La Féria, e foi em cima do palco que reviveu connosco histórias dos avós, a sua infância, as memórias de Angola e as histórias da mãe, uma senhora muito activa aos 80 anos!

O FADO VOLTA AOS RETRATOS CONTADOS

Revelamos as memórias de infância dos fadistas Lenita e Ricardo. Duas gerações de talento e da alma portuguesa, de coração aberto nos Retratos Contados

RECENTES